publicidade
publicidade
 
 
 
 
publicidade
 
 
l12 imagens
 
 
publicidade
 
Resultado da busca pela categoria "brasil":
11.Nov.2019 | 08:59
 
IBGE revisa o crescimento do PIB de 2017 para 1,3%
 

 

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revisou crescimento econômico brasileiro em 2017 para 1,3%, ao contrário dos 1,1% anteriormente divulgado em 1,1%. Assim, o valor do Produto Interno Bruto (PIB) do país naquele ano foi de R$ 6,583 trilhões. Puxado pelos setores agropecuário e de serviços, que tiveram alta de 14,2% e 0,8%, respectivamente, o novo resultado do índice melhora o desempenho da atividade econômica em seu ritmo de recuperação. Outro destaque foi o avanço de 2,1% do consumo das famílias, após dois anos consecutivos em queda. Os dados divulgados fazem parte da revisão rotineira do Sistema de Contas Nacionais do IBGE, que incorpora novas pesquisas do instituto e também de fontes externas. Além disso, o documento traz atualizações metodológicas que revisam os resultados das Contas Nacionais Trimestrais. Já entre os setores que apresentaram queda, a Indústria recuou 0,5%, mantendo o resultado da divulgação anterior. A despesa de consumo final do governo também caiu 0,7%. De acordo com o IBGE, em 2017, enquanto a Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF) registrou queda de 2,6%, o investimento recuou 14,6%, ficando no menor nível desde 1995.


 
 
(0) comentário(s)
08.Nov.2019 | 19:20
 
Lula é solto da sede da PF em Curitiba
 

(foto: CARL DE SOUZA/ AFP).
 

O ex-presidente Lula foi solto às 17:34 desta sexta-feira da sede da Polícia Federal em Curitiba. O juiz Danilo Pereira Júnior, da 12ª Vara Federal de Curitiba, determinou a soltura do petista, acatando pedido da defesa que levou em consideração a determinação de ontem do Supremo Tribunal Federal (STF). Nesta quinta-feira, os ministros da corte decidiram por 6x5 pela insconstitucionalidade da prisão em segunda instância. Ao sair do prédio, Lula foi acompanhado por apoiadores e por colegas de partido. Policiais não acompanharam o petista. Desde hoje pela manhã, um grupo de apoiadores do ex-presidente se concentrou em frente ao local, soltando fogos e entoando gritos de apoio. A Polícia Militar estimou que cerca de 2 mil pessoas estavam aguardando a saída do ex-presidente. Lula estava preso em uma sala especial na carceiragem da sede da PF há 580 dias. O ex-presidente foi condenado em primeira instância pelo então juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava-Jato, por ter recebido um triplex no Guarujá como propina da construtora OAS, em troca de favores para a empresa no relacionamento com a Petrobras. Porém, o Tribunal Regional da 4ª Região (TRF-4) aumentou a pena do ex-presidente para 12 anos e um mês. A pena foi reduzida em abril deste ano para 8 anos, 10 meses e 20 dias pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ). Ainda na Lava-Jato, Lula foi condenado pela juíza substituta de Moro, Gabriela Hardt no caso do Sítio de Atibaia. A defesa recorreu a pena de 12 anos e 11 meses. A ação ainda não foi julgada pelo TRF-4. 


 
 
(1) comentário(s)
08.Nov.2019 | 12:08
 
Defesa de Lula pede para ex-presidente deixar prisão após decisão do STF
 

 

A defesa do ex-presidente do República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pediu à Justiça, nesta sexta-feira (8), que ele deixe a prisão. O advogado Cristiano Zanin se reuniu com o petista na sede da Polícia Federal (PF), em Curitiba, nesta manhã. "Em razão de condenação não transitada em julgado e (ii) seu encarceramento não está fundamentado em nenhuma das hipóteses previstas no art. 312 do Código de Processo Penal, torna-se imperioso dar-se imediato cumprimento à decisão emanada da Suprema Corte", diz um trecho da petição. O pedido ocorre um dia após o Supremo Tribunal Federal (STF) derrubar a prisão de condenados em segunda instância.​ A maioria dos ministros decidiu que, segundo a Constituição, ninguém pode ser considerado culpado até o trânsito em julgado (fase em que não cabe mais recurso) e que a execução provisória da pena fere o princípio da presunção de inocência. Lula foi condenado em duas instâncias no caso do triplex em Guarujá (SP) e ainda aguarda julgamento de recursos em cortes superiores. O ex-presidente nega as acusações e diz ser inocente.


 
 
(1) comentário(s)
07.Nov.2019 | 12:44
 
Apostador de São Paulo ganha prêmio de R$ 61 milhões na Mega-Sena
 

 

Uma única aposta, feita em São Paulo (SP), acertou os seis números do concurso 2.205 da Mega-Sena, realizado nesta quarta-feira (06). Os números sorteados foram: 12 - 21 - 28 - 37 - 42 - 57. O prêmio é de R$ 61,43 milhões. A quina teve 112 acertadores, cada um receberá R$ 30.075,67. A quadra teve 6.318 apostas ganhadoras com prêmio de R$ 761,65. O próximo concurso, com sorteio no sábado (9), tem uma estimativa de prêmio de R$ 3 milhões. As apostas podem ser feitas pela internet ou casas lotéricas até as 19h do dia do sorteio. A aposta mínima única custa R$ 3,50.


 
 
(0) comentário(s)
05.Nov.2019 | 07:19
 
Mega-Sena, concurso 2.204: ninguém acerta as seis dezenas e prêmio vai a R$ 60 milhões
 

 

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.204 da Mega-Sena, realizado na noite desta segunda-feira (4) em São Paulo (SP). O prêmio acumulou. Veja as dezenas sorteadas: 01 - 28 - 29 - 32 - 35 - 56. A quina teve 76 acertadores; cada um levará R$ 45.148,15. A quadra teve 5.847 apostas vencedoras; cada uma receberá R$ 838,34. Excepcionalmente, o sorteio ocorreu nesta segunda --em razão do feriado de Finados, no sábado (2). Para apostar na mega Sena, as apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet. A aposta mínima custa R$ 3,50.


 

 
 
(0) comentário(s)
28.Out.2019 | 12:03
 
Alberto Fernández vence Mauricio Macri e é eleito presidente da Argentina no 1º turno
 

Cristina Kirchner e Alberto Fernández chegam para comemorar vitória no primeiro turno das eleições da Argentina — Foto: Agustin Marcarian/Reuters.
 

Alberto Fernández foi eleito novo presidente da Argentina nas eleições deste domingo (27). Com a ex-presidente Cristina Kirchner como vice na chapa, ele derrotou o atual mandatário, Mauricio Macri. O resultado foi previsto ainda nas prévias eleitorais de agosto. Fernández discursou a apoiadores e aceitou o convite de Macri para o diálogo. "A única coisa que me preocupa é que os argentinos deixem de sofrer. Nosso compromisso é com cada um dos argentinos e argentinas", disse. "Obrigado por construir uma Argentina mais igualitária, que cuide da saúde e da educação pública, que privilegie os que trabalham. Obrigado também aos que não votaram em nós por participarem desta jornada." Com 97,4% das urnas apuradas, Fernández tinha 48,02% dos votos. Macri, 40,46%. O resultado garantia a vitória para o kirchnerista porque, na Argentina, o candidato vence no primeiro turno se obtiver mais do que 45% dos votos. (G1).

 

 
 
(1) comentário(s)
24.Out.2019 | 23:08
 
Governo libera R$ 130 milhões para seguro-defeso a pescadores do NE
 

REUTERS / Adriano Machado.
 

O presidente em exercício, Davi Alcolumbre, assinou hoje (24) um decreto presidencial autorizando a prorrogação da concessão extraordinária do seguro-defeso para os pescadores artesanais afetados pelo vazamento de petróleo no litoral nordestino. Mais cedo, Alcolumbre já havia anunciado a decisão de prorrogar por até mais dois meses a decisão do governo federal de conceder o benefício extraordinário para os pescadores, ampliando a concessão anunciada pelo governo de conceder o seguro extra em novembro. "Trago hoje aqui ao estado de Sergipe o decreto presidencial que eu vou assinar autorizando extraordinariamente a prorrogação do seguro-defeso que a gente pode falar que é o seguro desemprego do pescador brasileiro, do pescador nordestino, " disse Alcolumbre durante entrevista. A concessão extraordinária do seguro defeso em novembro já havia sido anunciada pelo secretário de Aquicultura e Pesca do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Jorge Seif Júnior, na terça-feira (22). A medida beneficiará cerca de 60 mil profissionais. A estimativa é que o governo federal desembolse R$ 59 milhões no mês de novembro.


 
 
(1) comentário(s)
23.Out.2019 | 14:26
 
Bolsonaro manda Exército se preparar para uso do ‘Artigo 142’
 

 

O presidente da República, Jair Bolsonaro, informou, nesta quarta-feira (23), que conversou com o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, para as Forças Armadas estarem preparadas em caso de protestos violentos como os que acontecem no Chile e Equador. Em Tóquio, capital do Japão, questionado sobre a possibilidade de o próximo país a sofrer turbulências nas ruas ser o Brasil, Bolsonaro respondeu: “Não podemos ser surpreendidos, temos que ter a capacidade de nos antecipar a problemas. Conversei com o ministro da Defesa sobre a possibilidade de ter movimentos como tivemos no passado, parecidos com o que está acontecendo no Chile, e a gente se prepara para usar o artigo 142, que é pela manutenção da lei e da ordem, caso eles venham a ser convocados por um dos três poderes.” De acordo com O Globo, Bolsonaro disse que o que acontece atualmente na América do Sul são movimentos de grupos de esquerda para tentar voltar ao poder: “Não podemos ser surpreendidos, temos que ter a capacidade de nos antecipar a problemas. A intenção deles é atacar os EUA e se auto ajudarem para que seus partidos à esquerda tenha ascensão. Dinheiro nosso brasileiro, do BNDES, irrigou essa forma de fazer política.” O Artigo 142 da Constituição Federal estabelece as diretrizes sobre o funcionamento das Forças Armadas. De acordo com o texto, o Exército, a Marinha e a Aeronáutica estão “sob a autoridade suprema do Presidente da República”, com o objetivo de implementar a “defesa da Pátria, à garantia dos poderes constitucionais e, por iniciativa de qualquer destes, da lei e da ordem”.


 
 
(2) comentário(s)
22.Out.2019 | 22:08
 
Senado aprova texto-base da reforma da Previdência em 2º turno por 60 a 19
 

 

O Senado Federal aprovou nesta terça-feira (22) em segundo turno o texto-base da reforma da Previdência, com 60 votos favoráveis e 19 contrários. Por se tratar de uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC), era necessário o apoio de pelo menos 49 (ou três quintos) dos 81 senadores. A margem veio acima da expectativa do líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), que calculava 58 ou 59 votos. No primeiro turno, a proposta passou com 56 votos contra 19, com quórum menor. “O texto não é perfeito, mas dentro da enorme diversidade da Casa é o texto que é possível”, disse o relator Tasso Jereissatti (PSDB/CE) ao anunciar a rejeição dos destaques individuais. O resultado foi proclamado pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre, por volta das 19h22 após pouco mais de três horas de discussão. O ministro da Economia, Paulo Guedes, comemorou ao deixar o plenário, onde acompanhou a votação. “Estamos muito felizes com o resultado. Agora vamos para o pacto federativo, com várias dimensões”, disse sobre a agenda pós-Previdência. Foram rejeitados dois destaques: um do PROS tentava garantir aposentadoria especial para trabalhadores que comprovarem tempo de serviço por insalubridade e outro do PDT suavizava regras de transição. Dois destaques, da Rede e do PT, serão votados em sessão nesta quarta-feira (23) após um impasse com os senadores sobre a redação de um texto. O governo precisa de 49 votos para derrubar cada destaque.


 
 
(0) comentário(s)
14.Out.2019 | 13:21
 
Primeira santa brasileira Irmã Dulce é canonizada pelo Papa Francisco
 

Visão geral da Praça de São Pedro, no Vaticano, durante a missa de canonização neste domingo (13) — Foto: Remo Casilli/Reuters
 

Santa Dulce dos Pobres. É assim que Irmã Dulce passa a ser chamada após a cerimônia de canonização que a tornou santa na manhã deste domingo (13) na Praça de São Pedro, no Vaticano, lotada de fiéis. A santa, conhecida popularmente como Anjo Bom da Bahia, foi uma das religiosas mais populares do Brasil graças ao trabalho social prestado aos mais pobres e necessitados, principalmente na Bahia. O Vaticano considera que Santa Dulce dos Pobres é a primeira santa brasileira. Embora outras brasileiras e uma religiosa que atuou no país tenham sido canonizadas pela Igreja Católica anteriormente, irmã Dulce é a primeira mulher nascida no Brasil que teve milagres reconhecidos. Outros quatro beatos, de diferentes nacionalidades, também foram canonizados por Papa Francisco às 10h34 (5h34 no horário de Brasília) deste domingo (leia mais abaixo). De acordo com o Vaticano, 50 mil pessoas participaram da cerimônia. "Em honra da Santíssima Trindade, pela exaltação da fé católica e para incremento da vida cristã, com autoridade de nosso senhor Jesus Cristo, os santos apóstolos Pedro e Paulo, depois de haver refletido longamente, ter invocado a ajuda divina e escutado o parecer de muitos irmãos do episcopado, declaramos e definimos santos os beatos: John Henry Newman, Giuseppina Vannini, Mariam Thresia Chiramel, Dulce Lopes Pontes e Marguerite Bauys", declarou o Papa, em latim. (G1).


 
 
(0) comentário(s)
11.Out.2019 | 12:24
 
Pacientes com epidermólise bolhosa terão protocolo de cuidados
 

Foto: Erasmo Salmão / ASCOM MS.
 

Pela primeira vez, o Ministério da Saúde lançou consulta pública para a consolidação do Protocolo de Cuidados da Pessoa com Epidermólise Bolhosa (EB). O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e a primeira-dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, participaram do anúncio da consulta pública nesta quinta-feira, 10. No período de 12 a 31 de outubro, toda a sociedade poderá contribuir com sugestões em relação ao texto do documento, que traz critérios para o diagnóstico, tratamento, acompanhamento e organiza a linha de cuidado dessa doença nas unidades de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS). A medida vem ao encontro do pleito de pacientes e familiares, que enfrentam dificuldades para ter o diagnóstico da doença, resultando na demora do início do tratamento, e maior sofrimento. A EB é uma doença de pele, não contagiosa e ainda sem cura. A pele extremamente frágil causa feridas que são muito doloridas e que podem ser comparadas com queimaduras de segundo grau. “A enfermagem é a parte que mais manipula os curativos usados nas feridas desses pacientes, que está na ponta com essas crianças. Precisamos orientar esses profissionais, melhorar a capacidade de diagnóstico dos médicos. É profundamente importante que a sociedade participe dessa consulta pública para aperfeiçoarmos os cuidados para esses pacientes”, afirmou o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. “Há um tempo, a equipe do Ministério da Saúde prometeu que essa consulta pública sairia em outubro e hoje eu sou testemunha de que cumpriram a palavra”, disse a primeira-dama. “O ministro sabe que essa é das causas que mais tocam meu coração e eu tenho acompanhado a luta dessas mães. Este governo tem um olhar especial para as doenças raras e, por isso, devemos compartilhar informações, investir em campanhas e capacitar nossos agentes de saúde”, disse Michelle Bolsonaro.


 
 
(0) comentário(s)
10.Out.2019 | 13:10
 
Governo arrecada R$ 8,915 bi com leilão de petróleo
 

 

O governo arrecadou R$ 8,915 bilhões em bônus de assinatura, de 11 empresas e consórcios ofertantes e dez vencedoras. O bônus foi recorde em leilões sob o regime de concessão. O ágio ficou em 322%. Ao todo, foram arrematados 12 blocos, de um total de 36, em áreas de pós-sal em cinco bacias sedimentares. O maior desembolso foi pago pela consórcio formado pela Chevron, Petronas e QPI, R$ 4,029 bilhões. A presença da Petronas, petroleira da Malásia, também surpreendeu. A Petrobrás levou um único bloco - o CM-477, na Bacia de Campos - em consórcio com a BP Energy. Essa área foi a que obteve o maior ágio, 1.744%. O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, comemorou o resultado. "O bônus é o maior do regime de concessão e superou todas as nossas expectativas. Os recursos irão para o Tesouro Nacional e serão aplicados dentro da política pública, inclusive na área do meio ambiente", afirmou. Presente no evento, o diretor-geral da ANP, Décio Oddone, disse que chegou a pensar em adiar a 16ª Rodada temendo a falta de interesse das empresas, diante de outros leilões que serão realizados. "Cheguei a ventilar adiar esse leilão, mas mantê-lo se mostrou acertado", disse, minimizando o encalhe de 11 áreas na bacia de Santos.  Albuquerque informou que as áreas não vendidas serão incluídas na oferta permanente da ANP - áreas de petróleo e gás que podem ser solicitadas pelas empresas fora dos leilões. Segundo ele, a ideia é incluir também na Oferta Permanente as áreas que não forem vendidas nos leilões do pré-sal, sob o regime de partilha de produção. "A próxima reunião do CNPE (Conselho Nacional de Política Energética) no dia 18 de novembro deve discutir a inclusão do pré-sal na Oferta Permanente", disse o ministro na coletiva de imprensa após o leilão. Albuquerque afirmou que o governo ainda não tem uma posição definida sobre o direito de preferência da Petrobras em todos os leilões sob o regime de partilha, mas que isso será discutido em um grupo de trabalho sobre a gestão das licitações do setor no Brasil. "Vamos criar o programa de aprimoramento das Licitações que tem como propósito aprimorar a política das licitações e maximizar o valor arrecadado pela União, isso será submetido ao CNPE e terá a participação de todos", explicou o ministro. (Estadão).


 
 
(0) comentário(s)
07.Out.2019 | 13:21
 
Campanha nacional contra o sarampo começa nesta segunda-feira
 

Foto: Reprodução.
 

A Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo começa hoje (7) em todos os postos de saúde do país. Dois grupos de pessoas estão no alvo da nova campanha. O primeiro grupo é formado por crianças de seis meses até menores de 5 anos, cuja a vacinação vai desta segunda-feira até 25 de outubro, com o Dia D no dia 19. O segundo grupo, com faixa etária de 20 a 29 anos e que não estão com a caderneta de imunização em dia, a vacinação está prevista para iniciar no dia 18 de novembro. A meta do Ministério da Saúde é vacinar 2,6 milhões de crianças na faixa prioritária e 13,6 milhões adultos. Para isso, a pasta garantiu a maior compra de vacinas contra o sarampo dos últimos 10 anos. Ao todo, 60,2 milhões de doses da tríplice viral foram adquiridas para garantir o combate à doença nos municípios. O segundo grupo, com faixa etária de 20 a 29 anos e que não estão com a caderneta de imunização em dia, a vacinação está prevista para iniciar no dia 18 de novembro. A meta do Ministério da Saúde é vacinar 2,6 milhões de crianças na faixa prioritária e 13,6 milhões adultos. Para isso, a pasta garantiu a maior compra de vacinas contra o sarampo dos últimos 10 anos. Ao todo, 60,2 milhões de doses da tríplice viral foram adquiridas para garantir o combate à doença nos municípios.


 
 
(0) comentário(s)
05.Out.2019 | 10:51
 
Lei que torna transporte irregular infração gravíssima entra em vigor
 

 

A partir deste sábado (5), quando entra em vigor a Lei nº 13.855, o transporte “pirata” de passageiros, incluindo de estudantes, passa a ser considerado infração gravíssima ao Código de Trânsito Brasileiro. Publicada no Diário Oficial da União de 8 de julho, a Lei nº 13.855 alterou o Código, tornando mais rigorosas as penalidades aplicadas aos motoristas flagrados transportando passageiros mediante remuneração, sem terem a autorização para fazê-lo. Ao ser classificado como infração gravíssima, o transporte irregular de estudantes passa a ser punido com multa de R$ 293,47 multiplicado pelo fator 5, totalizando R$ 1.467,35, e mais a remoção do veículo a um depósito. Já o transporte remunerado de pessoas ou bens, quando não licenciado, passa de infração média a gravíssima, punida com multa e remoção do veículo. O motorista só não será punido em “casos de força maior ou com permissão da autoridade competente”. Nos dois casos, os motoristas ainda perdem 7 pontos na carteira de habilitação, conforme estabelece o Artigo 259 do Código de Trânsito Brasileiro.


 
 
(0) comentário(s)
03.Out.2019 | 10:58
 
Goleiro Bruno ganha autorização da Justiça para estrear em clube mineiro
 

Foto: Reprodução.
 

Anunciado como reforço do Poços de Caldas no fim de agosto, o goleiro Bruno deve fazer sua estreia neste sábado, em amistoso contra o Independente de Juruaia, no Bandolão. A Justiça concedeu nesta quarta-feira a autorização para que o jogador, condenado pelo assassinato de Eliza Samudio, possa atuar pelo time mineiro. A situação de Bruno não é nada confortável para o Poços de Caldas, já que ele precisará pedir autorização a cada nova viagem. Na decisão atual, Bruno foi liberado para sair de Varginha, cidade onde mora atualmente, às 6 horas, com retorno previsto para, no máximo, 21 horas. O caso é uma exceção às regras do regime semiaberto que o jogador cumpri, com obrigação de voltar para casa até as 20 horas. O plano inicial do Poços de Caldas era de realizar um amistoso com o União Mogi-SP no domingo, dia 6. Como a liberação foi antecipada em um dia, o clube mudou o planejamento e até o adversário. O  camisa 1 está preso desde 2010 pelo assassinato de Eliza Samúdio e pelo sequestro e cárcere privado do filho Bruninho. No momento, ele está cumprindo pena no regime semiaberto em Varginha. Lá, chegou a defender o Boa Esporte por cinco partidas durante a temporada de 2017.


 
 
(0) comentário(s)
 
 
 
comentários
 
Lula é solto da sede da PF em Curitiba
José Sinval
A justiça tarda mas não falha. Parabéns presidente Lula. Bem vindo a vida normal Sinval
 
Defesa de Lula pede para ex-presidente deixar prisão após decisão do STF
José Sinval
Agora sim. A justiça foi feito. Que se danem os bozonaristas de plantão. Sinval
 
Quatro aviões com apoio de um helicóptero, bombeiros e brigadistas tentam apagar incêndio na Serra das Almas
Ana Angélica
Secretário de estado do Meio Ambiente, estará aqui sobrevoando a área. Estão todos preocupados e com...
 
Preço da gasolina finalmente despenca em Livramento
Oli
Adoro o capitalismo brutal. Agora é só privatizar a Petrobrás desestatizando-a e quebrando monopólio....
 
 
 
publicidade
 
 
arquivos
 
 
 
 
L12 Notícias © 2010-2019. Todos os direitos reservados.
 [email protected]