publicidade
publicidade
 
 
 
 
publicidade
 
 
l12 imagens
 
 
publicidade
09.Ago.2017 | 06:27
 
Centrão avisa a Temer que não vai votar reforma da Previdência
 

 

Deputados do Centrão mandaram avisar ao presidente Michel Temer que não irão votar a reforma da Previdência Social, informa o repórter Nilson Klava, da GloboNews. Líderes dos três principais partidos do centrão – PP, PR e PSD – afirmam que não há condições de aprovar a reforma, ainda mais depois do desgaste de terem votado contra o prosseguimento da denúncia contra Temer. Ainda mais em véspera de ano eleitoral. "Reforma da Previdência se vota no início de mandato. Em final de mantado, é muito perigoso colocarmos uma matéria dessa, ainda mais no momento em que estamos vivendo na Câmara dos Deputados", disse o líder do PR, José Rocha (BA). O Centrão quer deixar claro ao governo a insatisfação com o espaço político dado a partidos que não votaram majoritariamente a favor de Temer: PSDB e PSB. "O momento é muito delicado, não temos unidade na bancada para isso [votar a reforma]. Nós esperamos que o governo tenha um sentimento de reagrupação e senso de responsabilidade de saber quem realmente é base e quem não é", acrescentou o líder do PP, Artur Lira (AL). Líderes do Centrão alertam, ainda, para o fato de que há no meio político uma expectativa de que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ofereça nova denúncia contra Temer por obstrução de Justiça. "A reforma tem que ser votada dentro de uma uniformidade da base, e o governo não tem essa uniformidade. A discussão da Previdência abre a porta para sociedade ir para as ruas, é tudo o que o governo tem que evitar diante de uma segunda denúncia", afirma o líder do PSD, Marcos Montes (MG).

O peso do Centrão

Juntas, as bancas de PP, PR e PSD somam 123 deputados. Na votação da denúncia, os três partidos deram 87 dos 263 votos a favor de Temer. Para aprovar a reforma da Previdência, o governo precisa de 308 votos. Por isso o governo tem usado o discurso de aprovar o texto "possível". O Planalto defende o parecer de Arthur Maia (PPS-BA), aprovado na comissão especial da Câmara. "A base da conversa começa com o relatório", observou o ministro da Secretaria-Geral, Moreira Franco (PMDB-RJ). (G1).


 
(0) comentário(s)
 
comentários
 

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

 
 
Nome:
 
E-mail (não será divulgado):
 
 Mensagem:
 
 Código:
 
 
18.Fev.2018 - Na Ìndia, Zeca Predador vence mais uma luta internacional
18.Fev.2018 - Dom Basílio: Motociclista tem fratura na perna após colisão com automóvel
17.Fev.2018 - Acidente envolvendo micro-ônibus e caminhão deixa dois mortos e 29 feridos na Bahia
17.Fev.2018 -
16.Fev.2018 - Temer autoriza intervenção do exército no Rio de Janeiro
16.Fev.2018 - Paramirim: Polícias apreendem 30 trouxinhas de cocaína que seriam vendidas no Carnaval
16.Fev.2018 - Auto Peças e Acessórios Araújo comemora trajetória de 42 Anos de sucesso em Livramento
15.Fev.2018 - Comandante da PM diz que Kannário é 'marginal' e critica postura: 'Ele provocou'
15.Fev.2018 - Policia intensifica buscas por criminosos que vêm cometendo assaltos em Livramento
15.Fev.2018 - Vendedor ambulante de 57 anos é encontrado morto dentro de casa
  • :
 
 
 
comentários
 
Paramirim: Polícias apreendem 30 trouxinhas de cocaína que seriam vendidas no Carnaval
Osvaldo Souza
Sinônimo de competência bom atendimento e muita seriedade, sucesso.
 
Comandante da PM diz que Kannário é 'marginal' e critica postura: 'Ele provocou'
Hipocritamente Correto
As armas dos policiais têm que ser beijo, abraço, afago, cafuné e muito carinho. Jogar um blá blá blá...
 
Registrada ocorrências de consumo de drogas em casas alugadas para o Carnaval de Rio de Contas; jovem é preso
Só Dinheiro?
Papai paga. Alcool tmb é droga e causa dependência física. Não sei o motivo de falarem álcool e drogas.
 
Registrada ocorrências de consumo de drogas em casas alugadas para o Carnaval de Rio de Contas; jovem é preso
João De Deus
Drogas lícitas, ilícitas tanto faz. Já passou da hora de acabar com este carnaval predatório em Rio de...
 
 
 
publicidade
 
 
arquivos
 
 
 
 
L12 Notícias © 2010-2018. Todos os direitos reservados.
 [email protected]