publicidade
publicidade
 
 
 
 
publicidade
 
 
l12 imagens
 
 
publicidade
06.Nov.2017 | 07:01
 
Ciência: Asteroide que matou dinossauros pode curar câncer
 

Foto: Reprodução.
 

Um metal proveniente do asteroide que acabou com os dinossauros há dezenas de milhões de anos atrás pode matar células cancerosas, lê-se em um novo estudo realizado por uma equipe científica internacional e publicado na revista Angewandte Chemie. Os cientistas da Universidade de Warwick no Reino Unido e da Universidade Sun-Yat Sem na China afirmaram que é possível combater os tumores fazendo chegar às células cancerosas oxigênio combinado com irídio, metal que se encontra na crosta terrestre. Segundo os pesquisadores, esse composto é capaz de destruir as células cancerosas sem danificar as células saudáveis. "O metal precioso platina já se usa em mais de 50% das quimioterapias contra o câncer. Agora está sendo explorado o potencial de outros metais preciosos como o irídio para proporcionar novos medicamentos que ataquem as células cancerosas de forma completamente nova, combatam a resistência e possam ser usados de maneira segura e com efeitos secundários mínimos", disse Peter Sadler da Universidade de Warwick. O cientista britânico sublinhou também que "agora é o momento de tentar fazer um bom uso médico do irídio que nos deu um asteroide há 66 milhões de anos atrás. (Sputnik).


 
(0) comentário(s)
publicidade
 
comentários
 

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

 
 
Nome:
 
E-mail (não será divulgado):
 
 Mensagem:
 
 Código:
 
 
26.Fev.2021 - Homem é morto a tiros em Brumado
26.Fev.2021 - Mulher morre atropelada quando aguardava transporte na BA-030
26.Fev.2021 - Irmão Lázaro está internado em estado grave com Covid-19
25.Fev.2021 - Flamengo se consagra hepta campeão do Brasileirão
25.Fev.2021 - Confira as ofertas da semana na Central das Carnes
21.Fev.2021 - Jovem é morto a tiros no distrito de Cascavel em Ibicoara
21.Fev.2021 - Rui Costa amplia toque de recolher para 20h e horário de bares até 18h
20.Fev.2021 - Rui Costa diz que internações em UTIs batem recorde e toque de recolher pode ser ampliado na Bahia
18.Fev.2021 - Inscrição no novo auxílio emergencial de 2021 será feita com base no cadastro antigo
18.Fev.2021 - Livramento e mais 09 cidades sob responsabilidade da 46ª CIPM terão toque de recolher
 
comentários
 
Livramento e mais 09 cidades sob responsabilidade da 46ª CIPM terão toque de recolher
José Sinval
Bom dia. Nas outras cidades, eu não posso afirmar se vão cumprir tal medida eu não seia. Mas em...
 
Novo auxílio deve ter 4 parcelas de R$ 250
Luciene Silva Freire Trindade
Terei direito ao auxílio emergencial parcela dezembro
 
Caetité: Bamin inicia produção de minério de ferro e prevê R$ 4 bilhões para ampliar capacidade
Andreia Silva De Jesus
Onde é esse lugar
 
Deixe-as ir, não corra atrás!
Nêm Do ônibus
Parabéns pelo texto, excelente!
 
 
 
publicidade
 
 
arquivos
 
 
 
 
L12 Notícias © 2010-2021. Todos os direitos reservados.
 sai@l12.com.br