publicidade
publicidade
 
 
 
 
publicidade
 
 
l12 imagens
 
 
publicidade
29.Out.2018 | 20:26
 
'Quem roubar vai para a cadeia e Bolsonaro joga a chave fora', diz Lorenzoni sobre Petrobras
 

Foto: Reprodução.
 

Futuro ministro da Casa Civil de Jair Bolsonaro (PSL), o deputado Onyx Lorenzoni (DEMRS) disse que a equipe do presidente eleito quer saber "a verdade da Petrobras no Brasil". Ao ser questionado sobre qual será a política de preços adotada pela estatal, Lorenzoni afirmou que tem "curiosidade" em saber o que o presidente Michel Temer sabe sobre a Petrobras e que, no governo Bolsonaro, "quem roubar vai para cadeia e ele (Bolsonaro) joga a chave fora". "A Petrobras passou por um período que passou da 7ª petrolífera no mundo para a 28ª, graças á roubalheira e à utilização inadequada da empresa", disse, nesta segunda-feira, 29, no hotel Windsor, na Barra da Tijuca. "Hoje, o Brasil vive um drama em relação aos combustíveis, o cidadão brasileiro paga uma conta absurda por conta dos equívocos cometidos no passado", acrescentou. Lorenzoni também disse que a equipe "está dando o primeiro passinho hoje" e que é razoável pedir que todos tenham "um pouquinho de paciência" para que Bolsonaro possa conhecer a realidade do atual governo. "Com base nos conceitos que nós propagamos ao longo de toda campanha, podemos servir a todo o Brasil", argumentou. O deputado já admitiu, no ano passado, ter recebido R$ 100 mil em caixa 2 da JBS. Um executivo da Odebrecht também afirmou que, em 2017, Lorenzoni teria recebido R$ 175 mil via caixa 2 da empresa. Segundo Alexandrino Alencar, em delação premiada à força-tarefa da Operação Lava Jato, na planilha 'Drousys' - programa de controle dos desembolsos ilícitos do grupo -, o parlamentar era identificado pela alcunha "Inimigo". O inquérito que investigava o caso da Odebrecht e Onyx foi arquivado pelo ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), que atendeu a um pedido da Procuradoria-Geral da República. Onyx Lorenzoni também foi o relator na Câmara do projeto do Ministério Público Federal, as 10 Medidas contra a Corrupção. (Fonte: Política Estadão).


 
(0) comentário(s)
 
comentários
 

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

 
 
Nome:
 
E-mail (não será divulgado):
 
 Mensagem:
 
 Código:
 
 
21.Jan.2019 - Advogado fica ferido em acidente na BA-148
21.Jan.2019 - Confira agenda da Climedi desta semana
21.Jan.2019 - Eclipse lunar total do ano é registrado na madruga desta segunda-feira (21)
19.Jan.2019 - Estados Unidos e China dialogam para explorar a Lua, diz Nasa
19.Jan.2019 - Governo publica aviso de licitação para projeto do Sistema de Àgua de Iguatemi
19.Jan.2019 - Caminhão tombou na Serra das Almas, trecho entre Livramento e Rio de Contas
19.Jan.2019 - Acompanhe a agenda semanal do IME
18.Jan.2019 - CNN terá canal no Brasil e prevê contratação de 400 jornalistas
18.Jan.2019 - Barragem Luiz Vieira: Licitação para contratar empresa de Engenharia para recuperação está em fase final
17.Jan.2019 - Em novo recorde, bolsa bate 95 mil pontos puxada por expectativa positiva
  • :
 
 
 
comentários
 
CNN terá canal no Brasil e prevê contratação de 400 jornalistas
Oli
Oba! Mais uma agência de notícias comunista mentirosa para eu NÃO LER.
 
Rio de Contas: Corpo de homem é encontrado às margens de estrada em Arapiranga
Marielio Da Silva
Mais uma vida perdida para a bebida! Esse cara era muito gente boa.... que Deus possa ter misericórdia...
 
Livramento continua sofrendo com a falta de água há 4 dias
Olia
Mais uma vez: isto é que dá monopólio de estatal. Se tivessem outras empresas para cuidar do serviço,...
 
Livramento continua sofrendo com a falta de água há 4 dias
Fabio
Essa Embasa de Livramento é criminosa. A população deveria se organizar e ajuizar uma ação popular contra...
 
 
 
publicidade
 
 
arquivos
 
 
 
 
L12 Notícias © 2010-2019. Todos os direitos reservados.
 [email protected]