publicidade
publicidade
 
 
 
 
publicidade
 
 
l12 imagens
 
 
publicidade
13.Mai.2020 | 12:33
 
Livramento: Advogado diz ter sido impedido de acompanhar clientes no Mercado Municipal
 

De acordo com o Bel. Moisés, prerrogativas do Advogados foram violadas. (Foto: reprodução).
 
A pandemia de COVID-19 tem deixado muita gente com nervos à flor da pele e criado situações inusitadas. Nessa terça-feira (12), o advogado  Moisés Marques Lima alegou ter sido impedido por Norberto Azevedo, servidor público municipal, de acompanhar dois clientes em uma reunião promovida pela administração do Mercado Municipal de Livramento de Nossa Senhora com os negociantes que trabalham naquele Mercado. Segundo ele, o servidor Noberto o impediu de acompanhar os seus clientes, alegando que ele não poderia participar da reunião juntamente com seus clientes e de imediato procurou retirá-lo da sala e trancou a porta. O bel. Moisés alega, ainda, que no dia 7 de maio teria se dirigido ao escritório de Noberto para tratar de assuntos referente aos seus clientes, na qualidade de advogado, mas Noberto não quis recebê-lo. O advogado classifica a atitude do servidor Noberto como violação às prerrogativas do Advogado, e pede providências "assim como prevê a Lei de Abuso de Autoridade, em seu Art. 7º./b", bem como prevê o Estatuto do Advogado. Pede que seja instaurado procedimento investigativo para apurar o fato. O L12 Sudoeste ouviu a outra parte, que se defendeu alegando que de fato teria acontecido a reunião e que ele estava ali ajudar a todos, sem querer prejudicar ninguém. "No meu ver não precisava ele estar ali presente, sendo que estava conversando com o pessoal. Não aconteceu em nenhum momento de fechar a porta na 'cara dele' como está comentando, pedi a ele e outras pessoas pra se retirar educadamente, sendo que as pessoas das barracas que estavam lá era pra saber de todas as informações que me pediram para que fossem passadas", se defendeu Noberto. 

 
(1) comentário(s)
publicidade
 
comentários
 
Marliete escreveu: Certeza, houve violação as perrogativas do advogado! o dr.poderia no momento, ter acionado o órgão OAB da sua jurisdição , é direito do advogado acompanhar seus clientes.
13.Mai.2020
 
 
 
Nome:
 
E-mail (não será divulgado):
 
 Mensagem:
 
 Código:
 
 
25.Mai.2020 - Homem de 35 anos é morto a tiros em Brumado
25.Mai.2020 - ALBA RESTRINGE AINDA MAIS ACESSO ÀS DEPENDÊNCIAS
25.Mai.2020 - Auxílio Emergencial: Caixa credita nesta segunda benefício a mais 7,8 milhões de trabalhadores
25.Mai.2020 - Efeito da pandemia no interior do país ainda está por vir, diz ministro interino da Saúde
25.Mai.2020 - DNOCS vai iniciar recuperação da Barragem Luís Vieira, em Rio de Contas
25.Mai.2020 - Ibicoara: Deputado Marquinho Viana reivindica e convênio para fornecer água em Cerqueria é assinado
23.Mai.2020 - Livramento: Polícia militar conduz dois suspeitos para a Delegacia acusados de arrombamento
23.Mai.2020 - Operação da CIPE Sudoeste e 34ª CIPM apreende cocaína em Barra da Estiva
23.Mai.2020 - Bolsonaro anuncia que auxílio emergencial terá pelo menos mais duas parcelas
23.Mai.2020 - Governador anuncia antecipação de feriados na Bahia
 
 
comentários
 
Reprova??o ao governo Bolsonaro chega a 50%, aponta pesquisa XP Ipespe
Jos? Sinval
Espero que essa cara caia logo, para que o nosso pa?s volta ter cr?dito no mundo e nossa vida volte ao...
 
Livramento: Advogado diz ter sido impedido de acompanhar clientes no Mercado Municipal
Marliete
Certeza, houve viola??o as perrogativas do advogado! o dr.poderia no momento, ter acionado o ?rg?o OAB...
 
Presidente coloca sal?o de beleza e academia em lista de servi?os essenciais
Jos? Sinval
Ele pode at? decretar. Mas cabe aos governadores e prefeitos descidirem se aceitamore ou nao. Se n?o,...
 
Presidente coloca sal?o de beleza e academia em lista de servi?os essenciais
Brand?o
quando a crise almentar espero que cobrem dos prefeitos e dos governadores.
 
 
 
publicidade
 
 
arquivos
 
 
 
 
L12 Notícias © 2010-2020. Todos os direitos reservados.
 [email protected]