publicidade
publicidade
 
 
 
 
publicidade
 
 
l12 imagens
 
 
publicidade
25.Jul.2020 | 17:45
 
Ambulante de Livramento relata dificuldade e vive do apoio dos amigos
 

Foto: L12 Sudoeste.
 

Do L12 Sudoeste
 

Os ambulantes estão entre os mais afetados pelas medidas de restrição de circulação de pessoas na Cidade de Livramento de Nossa Senhora. Sem clientes nas ruas, sem as atividades de suporte, como campeonatos de futebol, shows musicais, dentre outros meios de entretenimento que, de certa forma, movimenta o mercado informal no município, e tendo como única fonte de renda a venda direta, alguns deles passaram a viver de doações durante a pandemia do novo coronavírus.

A partir desta reportagem, o L12 Sudoeste irá passar a mostrar a realidade diária que muitos livramentenses estão enfrentando em meio a toda essa tsunami que vem assolando os países ao redor do mundo e há alguns chegou ao Brasil trazendo uma nova preocupação aos trabalhadores.

Nas Ruas, conversamos com o vendedor de churrasquinho Paulo Sérgio Arcanjo da Silva.

Ele nos contou como é a rotina de um trabalhador que, de uma hora para a outra, não tem mais como exercer a função. Agora está dependendo exclusivamente de ajuda dos amigos.

Paulo contou a nossa reportagem que se vê diante das piores fases de minha vida, sem ter mais como ganhar dinheiro vendendo seus churrasquinhos, passou a depender de doações, viu sua água encanada cortada impiedosamente pela Embasa.

O vendedor ambulante contou, ainda, que vem desesperadamente tentando encontrar qualquer serviço para poder tentar ameniza a situação, mas ninguém quer lhe oferecer emprego por conta da idade avançada.

Segundo ele, está recorrendo ao benefício do auxílio emergencial do Governo Federal, mas não é suficiente para cobrir as despesas com saúde e sustentar a família. Sobre a Assistência Social do Município, que é a Unidade que na teoria tem como objetivo promover a inclusão social, ele disse que chegou a procurá-la, mas não obteve nem pelo menos um cadastro.

Há vários anos vendendo churrasquinho, Paulo nunca pensou em fazer algo diferente. Para ele, deixar de ir aos eventos para comercializar seus produtos é igual a não ter dinheiro para pagar as contas e, principalmente, sustentar seus dois filhos.

Mas, o que ele quer realmente é uma oportunidade de trabalho, nem que seja no setor de prestação de serviços. 

 


 
(1) comentário(s)
 
comentários
 
Murilo escreveu: Não está fácil pra ninguém... Como diz um velho ditado: "contei minha história para meu compadre quando olhei pro burro estava chorando" vida pior tem ex: proprietários de sonorização, iluminação e estrutura.
26.Jul.2020
 
 
 
Nome:
 
E-mail (não será divulgado):
 
 Mensagem:
 
 Código:
 
 
13.Ago.2020 - DESEMBARGADOR PRESIDENTE PARTICIPA DE LIVE DA AMAB EM HOMENAGEM AO DIA DO MAGISTRADO; ASSISTA
13.Ago.2020 - Presidente da AL-BA promulga lei que reduz mensalidades na rede particular de ensino
13.Ago.2020 - Governo Federal entrega veículos à Conselhos Tutelares de Jussiape e mais 16 cidades da Bahia
13.Ago.2020 - Brumado registra 7ª morte de paciente com coronavírus; homem tinha 71 anos
11.Ago.2020 - Livramento: construtor tem sua conta no WhatsApp clonada
11.Ago.2020 - PM conduz quatro suspeitas de tráfico de drogas no Bairro Taquari
11.Ago.2020 - COVID-19: consumo de energia no país encerra julho próximo da recuperação
11.Ago.2020 - Artigo: O brasileiro e o imediatismo
11.Ago.2020 - Lagoa Real: Acidente de moto faz mais uma vítima fatal na BR-030
11.Ago.2020 - Lagoa Real: Acidente de moto faz mais uma vítima fatal na BR-030
 
comentários
 
Livramento: construtor tem sua conta no WhatsApp clonada
Jose Sinval
Nossa. Esse manchete sobre a clonagem da conta desse construtor vai mais importante do a descoberta...
 
Banco Central anuncia que lançará cédula de R$ 200 em agosto
Sonia Ambrosia
otimo muito bom
 
Livramento possui 6 pessoas em tratamento de coronavírus; 21 curadas
Jose Sinval
Eu não sei para que essa secretaria a manda desse prefeito postam esse grafico. Eles não conseguem fiscalizar...
 
Volume da Barragem Luiz Vieira volta a subir e registra 49.979.964 m3 de água acumulada
JosÉ Antonio Barbosa De Macedo
Vale ressaltar que as construções de barragens , é para armazenar água e evitar enchentes e o excedente...
 
 
 
publicidade
 
 
arquivos
 
 
 
 
L12 Notícias © 2010-2020. Todos os direitos reservados.
 sai@l12.com.br