publicidade
publicidade
 
 
 
 
publicidade
 
 
l12 imagens
 
 
publicidade
 
Resultado da busca pela tag "lagoadomato":
16.Jan.2014 | 21:02
 
Grupo de jovens paramirienses revigora esperança de pessoas carentes
 

As famílias carentes ficaram muito contentes com as doações, fruto do trabalho voluntário do grupo Jovens em Ação.
 

Por Marcos Santos

O grupo denominado “Jovens em Ação (JA)”, constituído por jovens entre 18 e 20 anos, da cidade de Paramirim, Bahia, que estudam fora de sua terra natal, prosseguem com uma campanha voluntária de cunho social, marcada pela distribuição de donativos para pessoas carentes de comunidades distantes da sede daquele município.

O primeiro resultado do trabalho voluntário contemplou comunidades do Lajedo de Arouca, Várzea do Sal, Lagoa do Mato e Covas do Grama, situadas em locais de difícil acesso na zona rural, onde mais 31 famílias receberam donativos, incluindo cestas básicas, roupas, calçados e brinquedos, diretamente das mãos dos estudantes.

 

“Foi um trabalho no mínimo gratificante. É revoltante e ao mesmo tempo imensurável a comoção que é ouvir da boca de uma mãe agradecimentos constantes e falas como: ‘Não precisa abraçar meus filhos, parem com isso, eles estão sujos’ ou ‘Obrigada pelo leite meninos! Ainda ontem minha filha pediu leite para mim e eu não tive pra dar’. Depois de escutar isso não há como não ter certeza de que todo esforço valeu a pena”, disse o jovem Victor Hector, integrante da ONG.
 

Victor explicou ao L12 Notícias como surgiu a ideia do Projeto. Segundo ele, tudo teria começado após uma expedição juntamente com os amigos, cujo combinado de cada um era doar 1 kg de alimento, e assim começou a surgir a ideia de ajudar as pessoas que precisam.
 

“Ano passado, combinamos de realizar uma trilha até a Serra da Torre e ficou combinado de cada um doar 1 kg de alimento, e assim começou a surgir o grupo. Tínhamos em mente realizar um projeto social na cidade, mas faltava alguém puxar à frente. Esse ano teve a ideia de reuni todos... Fizemos várias reuniões para elaborar o projeto e traçar os rumos a serem tomados. Nosso objetivo era ajudar as pessoas carentes e quebrar algumas barreiras... Quando acontecem essas campanhas solidárias, infelizmente, ficam restritas a sede ou comunidades próximas. Nossa ideia foi de quebrar esse costume. Para isso, fizemos várias pesquisas de campo; fomos atrás das comunidades mais carentes, número de famílias, crianças, etc. Após recolhermos todas as informações, resolvemos ajudar a comunidade do Lajedo de Arouca. Uma comunidade muito distante de Paramirim, cerca de 1h e 40 min. Fomos à busca de doações e tivemos uma aceitação muito boa. Conseguimos muita coisa! Conseguimos doações suficientes para a comunidade escolhida e para ajudar outras três: Várzea do sal, Lagoa do Mato e Covas do Grama”, explicou o jovem ativista.

  Leia mais...

 

Entre os donativos estão, alimentos, roupas, calçados e brinquedos.
 

 
Tag(s): Comunidades Carentes, Covas do Grama, Donativos, Estudantes, Jovens, Lagoa do Mato, Lajedo de Arouca, Paramirim, Várzea do Sal, Zona rural
 
 
(2) comentário(s)
 
 
comentários
 
Moradores reclamam de arrua?a de motoqueiros em Livramento
Naide Oliveira Sousa
Isso causa um desconforto total para popula??o. Acontece q os baderneiros, na maioria das vezes s?o pessoas...
 
Moradores reclamam de arrua?a de motoqueiros em Livramento
Nete Valdemir
Tinha que ter lei que realmente se fissesem valer! Onde j? se viu essa baderna ser devo??o.
 
Moradores reclamam de arrua?a de motoqueiros em Livramento
Telinha Hip?lito
Sou f? de moto, raramente ando de moto,mas acho lindo ,por?m , n?o s? moto ,como qualquer outra coisa...
 
Moradores reclamam de arrua?a de motoqueiros em Livramento
Claudiney Pereira
A? entra varias quest?es. Estando certinho com documentos, habilita??o e fazer uma carriata tudo ok,...
 
 
 
publicidade
 
 
arquivos
 
 
 
 
L12 Notícias © 2010-2020. Todos os direitos reservados.
 [email protected]