publicidade
publicidade
 
 
 
 
publicidade
 
 
l12 imagens
 
 
publicidade
31.Jul.2015 | 16:42
 
PEC quer reduzir idade mínima de trabalho para 14 anos; MPT diz que proposta é ilegal
 

Foto: Vagner Oliveira.
 

O Ministério Público do Trabalho (MPT) emitiu um parecer contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 18/2011, do deputado Dilceu Sperafico (PP-PR), que pretende reduzir para 14 anos a idade mínima para trabalhar. O texto tramita na Câmara dos Deputados. O MPT afirma que, caso a proposta seja aprovada, o Brasil violará internacionais e uma cláusula pétrea da Constituição Federal (CF). A Constituição Federal de 1988 proíbe o trabalho noturno, perigoso ou insalubre a menores de 18 anos e qualquer trabalho a menores de 16, salvo na condição de aprendiz, a partir de 14 anos. Para a representante no Rio de Janeiro da Coordenadoria Nacional de Combate à Exploração do Trabalho de Crianças e Adolescentes (Coordinfância) do MPT, Sueli Bessa, a proposta representa um retrocesso social. “Essa redução é um retrocesso de direitos, com o objetivo único de precarizar as relações de trabalho”, alerta a procuradora do trabalho. Bessa afirma que a PEC representa mais um risco aos direitos sociais, juntamente com outras propostas que vem sendo apreciadas no Congresso Nacional, como a redução da maioridade penal e a ampliação irrestrita da terceirização. “No atual mercado, em que as vagas de trabalho são disputadas pelos adultos, não faz o menor sentido propor a redução da idade mínima para trabalhar. O correto seria investir na educação integral desses adolescentes e na profissionalização”, completa Sueli Bessa. O parecer foi entregue ao Congresso Nacional pela Coordinfância. Neleo MPT expressa que o direito fundamental ao não trabalho é cláusula pétrea prevista na Constituição, que não pode ser atingida por propostas reducionistas como a prevista na PEC. Além disso, a limitação aos 16 anos para trabalhar encontra apoio em tratados de Direitos Humanos assinados pelo Brasil que, ao serem ratificados, passam automaticamente a integrar o ordenamento jurídico interno. O Brasil é signatário do Protocolo de San Salvador (1988), instrumento adicional à Convenção Americana sobre Direitos Humanos de 1969 (Pacto de San José da Costa Rica), que garante o princípio da proibição do retrocesso social. Em outras palavras, uma vez fixada a idade mínima de 16 anos, em razão da norma constitucional, em consonância com as normas internacionais, não se pode admitir retrocesso na proteção aos direitos humanos.


 
(0) comentário(s)
 
comentários
 
 

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

 
 
Nome:
 
E-mail (não será divulgado):
 
 Mensagem:
 
 Código:
 
 
05.Mai.2021 - Governo antecipa 13º dos aposentados em duas parcelas; veja o calendário de pagamentos
04.Mai.2021 - Presidente da Câmara de Brumado José Carlos de Jonas morre por complicações da Covid-19
04.Mai.2021 - Paulo Gustavo sofre embolia, após acordar e interagir com o marido
03.Mai.2021 - Homem encontrado morto próximo ao lixao de Barra do Choça era de Livramento
03.Mai.2021 - Ibitira: Motociclista morre após batida com carro na BR-030
02.Mai.2021 - Jussiape: Dois homens são detidos por posse de drogas, um deles por embriaguez ao volante
02.Mai.2021 - Paramirim: PM encerra festa com aglomeração, e 64 pessoas são detidas
02.Mai.2021 - Morre Beto Aliba morador livramentense bastante popular na cidade
01.Mai.2021 - Jussiape: Grupo de baderneiros desfazem aglomeração após polícia militar ser acionada
01.Mai.2021 - João Leão é um dos nomes cotados pela situação ao cargo de Governador nas eleições de 2022
 
comentários
 
Morre Beto Aliba morador livramentense bastante popular na cidade
Sandra Teixeira
Meus sentimentos a todos os familiares!
 
Wilson Witzel sofre impeachment e perde direitos por cinco anos
Valdevino Fulgencio
Pois é, e os deuses do STF mandam abrir CPI pra investigar o governo Federal.
 
Brumado: Ossada humana encontrada ontem deverá seguir para Salvador para tentativa de identificação
Familia
Minha tia MARIA JOAQUINA MARQUES está desaparecida há quase 1 ano nessa região. Até hoje não temos qualquer...
 
Áudio acusa prefeito de Livramento de ser dono de máquinas que prestam serviço na prefeitura; denúncia chegará ao MP
Lauz Caetano
Se investigar mesmo, se houver lei e houver Ministério Público para apurar se isso realmente procede,...
 
 
 
publicidade
 
 
arquivos
 
 
 
 
L12 Notícias © 2010-2021. Todos os direitos reservados.
 sai@l12.com.br